CrossFit Condicionamento Fisico

by | Mar 24, 2017

O CrossFit Games Open é  condicionamento físico?.

Geralmente são cinco metcons durante cinco semanas e raramente, testes de força máxima ou potencia. Então, se você quer se preparar para o Open, apenas treinar um monte de peso leve e movimentos de peso corporal, e não se preocupe muito com o seu max snatch. Você só precisa se concentrar em pesos pesados, se você pretende ira  para os Regionals.

Você já ouviu essa fala antes?. Mas os dados suporta estes argumentos? Um novo estudo sugere o contrário. Seu título é ““Self-Reported Measures Of Strength And Sport-Specific Skills Distinguish Ranking In An International Online Fitness Competition .”

O Open só  uma vez teve um teste  máxima em algum levantamento – o  clean e jerk na segunda metade do 15.1. E ainda, os treinos do OPEN  parecem selecionar  atletas fortes e potentes sem testar especificamente para força e potencia, isso é condicionamento físico?

Os Autores Paul Serafini, Yuri Feito e Gerald T. Mangine levaram os 1.500 principais atletas do sexo masculino e top 1.500 do  CrossFit Games Open de 2016. Em seguida, eles dividiram cada sexo em cinco grupos classificados por ordem no OPEN. Em seguida, os autores compararam os dados referenciais auto-relatados dos atletas em cada grupo ( os autores obtiveram este estudo publicado no Journal of Strength and Conditioning Research da NSCA, sem incluir dados de lesões inventadas).

Devemos ter cuidado ao tirar conclusões  deste estudo. Em primeiro lugar, os dados de referência são auto-relatados, por isso não sabemos quanto tempo os benchmarks foram realizados, ou quais os padrões de movimento dos atletas. No entanto, os autores,

“Assumiu que todas as pontuações de desempenho foram concluídas de acordo com os critérios descritos pela organização competitiva e que todas as pontuações foram atuais.”

Estas podem não ser hipóteses seguras. Aqui estão os pontos de referência atuais de Rich Froning no site atual de CrossFit Games

Agora, aqui estão as estatísticas do Froning a partir de março de 2013:

 

 

Então, Fran , Grace, Fight Gone Bad, Clean  e pull-ups não mudou nada nos últimos quatro anos? Em outras palavras, ele realmente fez Fight Gone Bad em 2013 e obter 508 repetições e, em seguida, re-testá-lo em 2017 e pontuação 508 novamente? É interessante, entretanto, que ele atualizou seus levantamentos máximos desde 2013 (veja o quanto o Froning odeia correr).

Por outro lado, é concebível que esses erros de relatório possam equilibrar globalmente entre os grupos. Entãoolhando  para as conclusões de qualquer maneira. Aqui estão os números de força e pull-ups masculinos, ordenados do mais alto desempenho, grupol 1 (Q1), para o mais baixo desempenho, grupo 5 (Q5):

E aqui está para as atletas do sexo feminino:

Em ambas as tabelas, um padrão é claro: Os melhores desempenhos no primeiro trimestre tinham valores máximos mais elevados do que a maioria dos outros. E o mesmo é verdade comparando Q2 a Q3, ou Q3 a Q4. Como dizem os autores

“Com algumas exceções, os concorrentes no primeiro trimestre apresentaram maiores cargas (p <0,05) em relação a todos os outros quintis sucessivos”

Você pode lembrar que o Open de 2016 não teve um evento de força ou potência pura. Aqui está a programação:

O maior peso possível ocorreu em 16,2, mas os atletas só chegaram a 315-lb. (142,9 kg) de Clean depois de completar um total de 125 toes-to-bars, 250 double-unders e 48 squat clean em pesos mais leves.

O mais pesado Snatch no OPEN de 2016 foi de 75 libras para os homens e 55 libras para as mulheres, mas os atletas de maior desempenho ainda se sobressaem significativamente mais alto nos snatches do que os outros grupos. O homem médio do Grupo1 teve um Snatch  mais de 11 kg (24 libras) a mais do que o homem do grupo5 (média) ; e a Mulher do grupo 1 em média teve um Snatch de  quase 22 libras a mais do que a médiado griupo 5. Um padrão semelhante mantém-se para o deadlift máximo, agachamento , clean e jerk. O Open 2016 não testou especificamente nenhum desses levantamentos.

Assim, os homens que se destacaram no Open de 2016 tiveram resistência para correrem através de 84 Thrusters e 84 burpees em 10 minutos ou menos, ao mesmo tempo em que fizeram um Snatch  quase 1,4 vezes seu peso corporal e limparam e empurraram mais de 1,7 vezes seu peso corporal . Para as mulheres, esses números foram menores de 11 minutos e 1,2 e 1,5 vezes o peso corporal, respectivamente.

Que idéias podemos tirar, sobre condicionamento físico e Crossfit ; mantendo nossas preocupações anteriores em mente? Do ponto de vista da programação de crossfit e condicionamento , pode não ser necessário testar especificamente força e potência para selecionar atletas relativamente fortes e potentes e com um bom condicionamento. Isso pode parecer contra-intuitivo, mas remonta ao próprio ponto dos exercícios de  CrossFit clássicos: obter uma idéia da capacidade geral de um atleta além do treino em si.

Por outro lado, esses dados sugerem que a melhor maneira de se encaixar é seguir um programa de força com  metcon curto  como um finisher? Se isso fosse verdade, Katrin Davidsdottir provavelmente estaria fazendo isso em vez de   ” aquecer ” com um EMOM de 36 minutos de GHD sit-ups, remo, bolas de parede, corrida e GHD . Não, ainda não há atalhos para o condiconamento e Crossfit

Pin It on Pinterest